Biografias

Idealizadora – Engetsu Carol Lefevre

Comecei minha prática Zen em 2006 com a Monja Coen em São Paulo. Em 2009 recebi os preceitos budistas leigos e o nome Engetsu, Getsu significa Lua e En, círculo ou completo. A lua reflete a luz do sol como a luz dos ensinamentos.

Em São Paulo, como membro da Comunidade Zendo Brasil, fui instrutora do Zazen para iniciantes e também organizei os Zazenhos, eventos de zen e desenho.

Em 2013, viajei para os Estados Unidos para conhecer o Zen americano e praticar em vários Centros Zen. O Zen Center de Los Angeles, o Yokoji Zen Mountain Center, o Sweet Water Zen Center, o Zen Mountain Monastery, o Fire Lotus Temple, o Green Gulch e o City Center, os dois últimos parte do San Francisco Zen Center, com o qual me conectei mais. Em agosto de 2014 me mudei para o City Center onde morei por 10 meses. Em 2016 fui para o Tassajara o Zen Mountain Center, parte do Zen Center de São Francisco, local que no inverno funciona como um mosteiro e no verão como um resort onde o trabalho dos estudantes é receber e cuidar dos hóspedes. Quase sem acesso à internet e intensa programação de meditação, foram dois anos de dedicação exclusiva para praticar o Zen e de muito aprendizado.

Em 2018 passei 3 meses no Brasil, me reconectando com a Sanga brasileira e atualmente sou Ino, ou o chefe da sala de meditação do Zen Center em San Francisco. Eu recebo as pessoas que vêm para meditar, organizo os retiros e as cerimônias.

Quando encontrei o Zen em 2006, a prática era para mim algo que me ajudava a lidar com as dificuldades do meu dia-a-dia de jovem profissional estressada na cidade. Com o passar do tempo e o aprofundamento da prática houve uma mudança em como me sinto no mundo, como que meu corpo e mente aprendeu a “estar em casa”, presente nas diversas realidades que vivenciei e vivo. Esse blog é uma maneira de retribuir e mostrar a minha gratidão por esses ensinamentos e práticas que me ensinaram tanto sobre mim mesma e que estão disponíveis a todos que quiserem seguir esse caminho.

Elliot Shonin Charney é residente do City Center, Beginner’s Mind Temple e trabalha no departamento de Operações de Negócios do SFZC. Elliot recebeu jukai em 2014 na linhagem Boundless Way Zen e mudou-se para o City Center em 2017 para começar a praticar na maneira de Shunryu Suzuki Roshi. Ele foi o head Chiden (o chefe do cuidado do altar) desde um pouco depois de se mudar para cá, e fez isso por aproximadamente dois anos.

%d bloggers like this:
search previous next tag category expand menu location phone mail time cart zoom edit close